Como funciona uma proteção perimetral?

 

Proteção perimetral é um método de segurança patrimonial eficaz que previne a invasão de propriedades. É formado por cercas elétricas, ou não elétricas, que são instaladas nos muros e fronteiras do imóvel, com o objetivo de alertar e impedir que invasores entrem no local.

 

Para proteção perimetral sem carga elétrica, o ideal é que seja utilizada uma estrutura mais complexa, para que o invasor seja impedido de alguma forma. O sistema de proteção perimetral é utilizado para inibir e detectar a intrusão nas áreas perimetrais. Nesse sistema, são empregados dispositivos como:

 

  1. Sensores infravermelhos,
  2. Sensores ativos de micro-ondas,
  3. Cercas elétricas
  4. Cabos sensores do tipo microfônico,
  5. Eletromagnético
  6. Fibra óptica

 

Os sinais captados por esses dispositivos são analisados e enviados para a central de processamento por meio de comunicação dedicada, o que permite a geração de eventos de alarme prévia e especificamente programados.

 

Sistemas perimetrais tornam-se mais eficientes quando integrados em uma plataforma unificada de operação, com o acionamento automático de câmeras móveis, se houver CFTV, ou, em caso de automação, com o acionamento automático de iluminação localizada ou, ainda, com o envio de mensagens através do sistema alta voz.

 

É possível, ainda, utilizar as câmeras térmicas como sensor de proteção perimetral se o uso dessas câmeras estiver associado à análise de vídeo inteligente, composto por regras específicas para cada aplicação.

 

Vale ressaltar que essas câmeras são imunes a efeitos climáticos como neblina, fumaça, chuva ou variação de iluminação, que interferem muito em sistemas perimetrais.

 

Pensando onde adquirir uma proteção perimetral para a sua empresa? Faça contato conosco e conheça mais os nossos produtos e serviços!

   
Voltar
Imprimir
Compartilhar
Comentários:
0 Comentário(s)

Deixe o seu comentário!